Em declarações recentes, representantes do banco central da China e do banco central dos Estados Unidos mostraram-se bem insatisfeitos com a legislação (ou falta dela) que regulamenta as stablecoins.

O banco central da China está "bastante preocupado" com o impacto potencial dos stablecoins globais no sistema financeiro internacional.

Em uma conversa com jornalistas, Fan Yifei, vice-governador do Banco Popular da China (PBoC), disse que “as chamadas stablecoins de algumas organizações comerciais, especialmente stablecoins globais, podem trazer riscos e desafios para o sistema monetário internacional e pagamentos e sistema de liquidação. ”

Yifei acrescentou que as autoridades chinesas estão “bastante preocupadas com este assunto” e “tomaram algumas medidas”.

Stablecoins são criptomoedas que afirmam ser lastreadas em moedas fiduciárias na proporção de 1: 1 e visam superar a volatilidade dos preços mantendo um valor estável em relação a uma moeda emitida pelo estado. Freqüentemente, são usados ​​como reserva de valor ou unidades de conta, sendo os pagamentos outro caso de uso popular.

O Tether é o stablecoin mais amplamente usado, com uma capitalização de mercado de mais de US $ 62 bilhões.

O PBoC não revelou quais medidas está tomando para conter a expansão de stablecoins, mas Fan Yifei disse que a velocidade de desenvolvimento dos sistemas de pagamento é "muito alarmante" e que o banco central está trabalhando contra os monopólios e "expansão desordenada de capital. ”

No caso dos Estados Unidos, quem solicitou por mais regulamentação para a classe de ativos foi Jerome Powell.

Em um encontro na Câmara dos Representantes, o presidente do Fed, disse que os stablecoins deveriam estar sujeitos a uma regulamentação mais rígida e ser tratados como depósitos bancários ou fundos do mercado monetário.

Embora as criticas dos bancos centrais sejam direcionadas para as stablecoins, devemos lembrar que essas autoridades monetárias possuem sua própria agenda e ter um sistema crescendo e desenvolvendo-se fora do controle delas é algo que simplesmente não está em seus planos.