O banco comercial e de varejo do Reino Unido NatWest não aceitará clientes corporativos que lidam com criptomoedas. De acordo com um porta-voz do banco, a empresa não possui apetite para lidar com clientes, cujo core business rodem em torno de criptomoedas.

Segundo o conselho da própria instituição, a empresa está seguindo as sugestões da Autoridade de Conduta Financeira do Reino Unido, que no início deste ano emitiu um aviso aos clientes criptográficos de que o Bitcoin e outros ativos digitais são investimentos arriscados.

NatWest é um dos maiores bancos do Reino Unido. Faz parte do grupo NatWest, que inclui o Royal Bank of Scotland.

A postura do banco se alinha de certa forma com a recentemente adotada pelo banco de investimento HSBC, com sede no Reino Unido, que chegou a remover a opção dos clientes de comprar ações da MicroStrategy, empresa em que o Bitcoin compreende 80% das participações.

Se houvesse um esforço dos bancos e instituições em servir a sociedade, poderiam aumentar as taxas para custear as necessidades burocráticas ou buscar outra alternativa, mas optaram por terminar toda e qualquer relação de maneira unilateral. Embora seja um direito das empresas poder escolher seus clientes e gerenciar seus riscos, a decisão soa muito mais como uma tentativa de barrar o crescimento do setor de criptomoedas.