Nesta sexta-feira, no último da visita de Jair Bolsonaro à China, os dois países assinaram oito protocolos no encontro entre Bolsonaro e o presidente chinês, Xi Jinping, em Pequim. Os acordos envolvem a comercialização de diversos produtos que vão de carne bovina processada (jerk beef) à energia renovável.

O presidente do Brasil falou que planeja isentar os chineses da necessidade de tirar visto com objetivo de turismo ou negócios no Brasil. Aproveitando a ocasião para firmar acordos de redução da burocracia entre as aduanas, buscando tornar regulares os contatos entre as chancelarias dos dois países para o intercâmbio de jovens estudantes, para a cooperação entre a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior dos dois países e para a liberação da Hidrelétrica de Xingu.