Cazaquistão desliga energia de mineradores de Bitcoin por conta de apagões

Português Jan 26, 2022

Segundo a rede de notícias focada em negócios, Bloomberg, A estatal Kazakhstan Electricity Grid Operating Company (KEGOC) cortou a eletricidade para empresas de mineração de Bitcoin de 24 a 31 de janeiro.

O motivo foi um extenso apagão que ainda não foi completamente resolvido. Embora o governo tenha dito que a energia estava sendo restaurada, os mineradores de Bitcoin no Cazaquistão não terão acesso a ela no futuro imediato.

Desde que a China proibiu a mineração de Bitcoin, no ano passado, o Cazaquistão rapidamente ganhou espaço nessa indústria e se tornou o segundo maior minerador de Bitcoin do mundo. Muito disso vem do fato de o país ter abundantes depósitos de gás natural e carvão, o que reflete em um dos preços de eletricidade mais baixos do mundo.

Embora o Cazaquistão tenha inicialmente recebido de braços abertos a indústria de mineração, o desejo do governo agora é de de se afastar do carvão, e por consequência, dos grandes mineradores de Bitcoin, que acabam sobrecarregando a rede elétrica do país. Segundo estimativas do governo, durante o outono de 2021, os mineradores de criptomoedas consumiram 8% do suprimento de energia disponível do país.

Tags

Morel Hernandes

Writer passionate about politics, economics, blockchain and crypto-currencies.