De acordo com um relatório do Bitcoin Mining Council, o mix de eletricidade sustentável da indústria de mineração de Bitcoin global mais do que dobrou atingindo cerca de 56% durante o trimestre de junho, tornando-a uma das indústrias mais sustentáveis ​​do mundo.

O conselho nasceu de uma iniciativa voluntária e aberta, voltada para empresas de mineração de Bitcoin e outras firmas do setor, que visa promover a transparência, compartilhar as melhores práticas e educar o público sobre os benefícios do Bitcoin e sua mineração.

Para realizar a pesquisa, o conselho coletou informações sobre o consumo de energia de mais de 32% da atual rede global de Bitcoins. Os resultados mostraram que os membros do BMC e os participantes da pesquisa estão atualmente utilizando eletricidade com um mix de energia sustentável de 67%.

A quantidade de energia verde usada na mineração de Bitcoin tem sido uma questão cada vez mais relevante, visto que o Bitcoin tem sofrido severas críticas durante os últimos meses com crescente preocupação sobre seu impacto ambiental.