Enquanto a zona do euro vem apresentando algumas dificuldades, o Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos cresceu à taxa anualizada de 2,1% no quarto trimestre de 2019, de acordo com a estimativa divulgada nesta quinta-feira pelo Departamento do Comércio. O resultado veio em linha com a mediana da previsão de analistas.

O Departamento do Comércio informou também que o índice de preços de gastos com consumo (PCE, na sigla em inglês) avançou à taxa anualizada de 1,5% no quarto trimestre. Já o núcleo do PCE, que desconsidera preços de alimentos e energia, subiu 1,3% no mesmo período.

Ainda que os resultados tenham se mostrados positivos, a economia norte-americana já está mostrando sinais de desaceleração. A perspectiva é de que a desaceleração continue, ao levar em conta os impactos do corona virus na economia chinesa, gerando um efeito cascata para toda a economia global.