As vendas no varejo caíram 0,3% no mês passado, enquanto os analistas esperavam um crescimento de 0,3% no mesmo período. Foi o primeiro declínio desde uma queda de 0,5% em fevereiro. Possivelmente sinalizando o impacto da guerra comercial em curso entre Estados Unidos e China. Os gastos do consumidor estavam apresentando fôlego nos últimos meses e os economistas estavam otimistas que isso se manteria beneficiando a economia norte americana.

Alguns economistas estão preocupados com o fato de que uma desaceleração da economia global e as dificuldades da guerra comercial possam desacelerar o crescimento geral tanto que o país possa ver um risco de recessão encerrando o atual ciclo de expansão dos EUA, que começou em junho de 2009.